sábado, 15 de outubro de 2016

de novo

cai.
o verbo é cair

a primavera floresce, o verão chega
.... o outono cai

caem as folhas, as flores, os tons das cores
cai o cabelo, o brilho do olhar, cai a figura
caem ilusões, sonhos de estio, caem amores
cai a noite cedo, cai a chuva e a temperatura

caem deveres, segundas-feiras, caem as horas
cai o pano, o nevoeiro, a escuridão, o coração
caio em mim, caem-me também as palavras
dos pensares à mão caem linhas de emoção

a castanha amadurece, o frio chega
... o outono cai

que o verbo seja agora
colorir.

Sem comentários:

Enviar um comentário